como estudar um assunto chato

Como estudar um assunto chato: 6 dicas para você aprender sem sofrer

Durante a sua vida escolar, ele vai estar ali, esperando por você. 

Quando você se formar e entrar no curso superior, mesmo assim ele vai estar ali, te acompanhando e esperando pelo momento em que vocês vão se encontrar. 

Não, não estamos falando de um professor mais rígido ou de um amigo inseparável…

Estamos falando dos famosos assuntos chatos de estudar.

Não tem como fugir deles. 

Sempre existe aquela disciplina que tira a sua paz e sua vontade de estudar.

É bem comum, afinal, é muito difícil encontrar um estudante que adora todas as matérias de seu curso, seja na faculdade ou até mesmo no ensino médio.

Porém, uma coisa é certa: sem estudar o assunto chato, fica difícil ser aprovado, por isso, a melhor atitude para lidar com temas complicados e ter técnicas para enfrentá-los.

Separamos algumas dicas valiosas sobre como estudar um assunto chato e de que maneira esse momento pode se tornar mais produtivo e menos desinteressante. 

6 dicas de como estudar um assunto chato

estudando assunto chato

Se você não tem como escapar, então, nada melhor do que saber como estudar um assunto chato com eficiência. 

Quanto melhor for seu tempo de estudo, maiores são as chances de você passar pela matéria que não gosta de uma vez, sem pensar em repeti-la na sua rotina escolar. 

Anote nossas dicas e mãos à obra! 

1. Foque no motivo do estudo

Uma coisa é certa, seja na escola, no trabalho ou até mesmo na vida familiar, você vai se deparar com atividades que não são do seu gosto.

Mas não há escapatória na maioria das vezes. Você terá que encontrar motivação para estudar

É como diz o ditado, se não tem solução, solucionado está.

O jeito é encarar ou encarar.

E se essa é a realidade, nada melhor do que tirar o foco do problema (estudar o assunto chato) e colocá-lo na solução, que são os benefícios desse momento de estudo.

Passar na matéria que você não gosta te ajuda a progredir com seus estudos e te entrega aquela sensação de dever cumprido, que você só sente mesmo quando termina algo muito trabalhoso.

A primeira dica é essa: mantenha o foco no resultado e nos benefícios, assim ficará mais fácil se dedicar. 

2. Mantenha o foco

Quando estamos fazendo alguma atividade chata, é muito comum que nosso cérebro procure distrações.

Nessa hora, você deve manter o foco e continuar estudando.

Será preciso um pouco de esforço, sem dúvidas, mas você pode colaborar para diminuir a descontração.

Veja aqui uma pequena lista de ações que vão ajudar a melhorar seu tempo de estudo:

  1. Estudo em um local silencioso e apropriado;
  2. Desligue as notificações do seu celular;
  3. Se for estudar no computador, não abra nenhuma aba do navegador que não seja para estudar. Nada de portais de notícias e redes sociais;
  4. Peça para o pessoal da sua casa colaborar. Evite conversas, peça para que todos tomem cuidado com o volume da TV etc.

3. Peça ajuda

Se você não gosta de uma matéria, mas conhece alguém que é fera no assunto, que tal pedir uma força?

Estudar em grupo pode ser desafiador para quem é mais distraído, contudo, um pouco de esforço pode fazer esse momento ser recompensador.

Junto com um colega, você pode transformar o momento de estudar um assunto chato em algo prazeroso, com mais interação e sem perder a capacidade de te ajudar na missão.

Outra opção interessante é optar por aulas de reforço. Com elas, você terá ajuda especializada para não sofrer tanto ao estudar um assunto chato. 

4. Deixe o ambiente de estudos preparado

O local onde você vai estudar faz toda a diferença na qualidade do seu tempo de estudos. Por isso, o ambiente precisa estar preparado para te oferecer conforto, boa iluminação e silêncio.

Conforto

Sentar no chão ou em uma cadeira desconfortável vão te deixar cheio de dores. Ficar na cama ou largado no sofá é um convite para que o sono apareça. Portanto, é necessário equilíbrio. 

Uma boa cadeira e uma mesa limpa e organizada vão dar conta do recado.

Elas te ajudarão a manter a postura correta, o que permite que você estude mais tempo, sem sentir dores ou desconfortos.

Iluminação

Se o local de estudos for escuro, sua vista será prejudicada e há muitas chances do sono bater. Estude em um local que não ofereça esses problemas.

Busque um ambiente iluminado, seja com luz natural ou artificial.

Para estudar à noite, fique atento na potência das lâmpadas do cômodo. Se elas forem fracas demais, será preciso trocá-las por outras mais fortes. 

Silêncio

Quanto mais silencioso o local de estudo, melhor será sua concentração. Se você não deseja sofrer com o barulho, converse com o pessoal da sua casa.

Reserve algumas horas por dia e combine com todo mundo para ser a hora do silêncio, sem música, sem TV alta e com menos conversa.

Por mais chato que isso possa parecer, com certeza seus familiares irão te ajudar, afinal, eles querem o seu sucesso! 

Se não conseguir estudar na sua casa, procure locais como bibliotecas e centros de estudos. Sempre existe um cantinho feito para os estudantes que precisam se concentrar.

5. Crie um cronograma de estudos

Crie um jeito para controlar seus dias e horários de estudo. Vale fazer esse controle para todas as matérias, mas comece com o assunto chato, que é sua prioridade. 

Escolha os horários e divida em várias sessões de estudo, assim essa tarefa fica menos massante e você pode equilibrar matérias de sua preferência com aquelas que não gosta.

Um cronograma de estudos deixa sua vida mais organizada.

Fica fácil acompanhar os compromissos e evitar os esquecimentos.

Ainda por cima, cada tarefa riscada no cronograma dá aquela sensação de dever cumprido!

6. Busque diferentes fontes de conhecimento

Não fique preso aos livros e apostilas.

Escolha um momento dentro do seu cronograma de estudos para pesquisar outros materiais sobre a matéria chata. 

Aqui vale de tudo, novos livros, vídeos da internet, sites, podcasts etc.

Mas tenha cuidado com as fontes, a internet pode te colocar em contato com muita informação errada, portanto, veja se os autores dos materiais de estudo são confiáveis. 

Dica extra: se aproprie da inteligência emocional

A inteligência emocional diz respeito à nossa capacidade de refletir sobre nossos sentimentos e tomar decisões perante eles, sem deixar que tudo seja decidido com base nas emoções, mas sim no pensar.

Ela diz muito sobre a responsabilidade, a forma de perceber as emoções, administrá-las e manter o foco na solução.

Se você tem dificuldades para estudar e deseja buscar formas de controlar as emoções que os assuntos chatos provocam em você, não deixe de ler e conhecer mais sobre a inteligência emocional!

Não esqueça: pequenas ações se somam

O hábito também é um grande aliado para quem precisa estudar assuntos chatos com frequência. Pequenas ações, mesmo que sejam pouco prazerosas, quando repetidas na rotina se torna um hábito.

Muita gente usa a técnica para fazer exercícios, acordar ou dormir cedo.

Criar uma rotina e manter hábitos é uma forma de condicionar o nosso corpo, fazendo com que ele sinta falta daquelas ações habituais.

Vale a pena se esforçar um pouco e criar um momento rotineiro de estudos, isso vai te ajudar bastante a contornar um pouco os desafio de lidar com matérias que não são de sua preferência.

Conclusão

Gostou das nossas dicas de como estudar um assunto chato?

Então agora é hora de partir para cima das matérias que você não gosta! E não se esqueça de aplicar tudo o que você aprendeu aqui. 

Aplicando nossas 6 recomendações na sua rotina de estudos, esses momentos serão menos desafiadores e o potencial de aprendizado será maior.

Ao longo dessa trajetória, é muito provável que aquela rejeição saia de cena e você tenha mais resultados positivos! 

Que tal ficar por dentro de mais dicas para melhorar seu tempo de estudo?

Aqui no nosso blog você encontra posts sobre ferramentas e técnicas de estudo, formas de melhorar seu desempenho escolar e informações sobre o mercado de trabalho e o mundo das universidades e dos vestibulares.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail e turbinar seus estudos!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.